Feeds:
Posts
Comentários

Archive for maio \12\UTC 2008

Achei esse texto muito interessante e acredito ser do interesse de todos, já que precisamos deste recurso tão maravilhoso e indispensável para nossas vidas que é a Água. Este texto foi retirado do site: www.uniagua.org.br

 

De um lado sabemos que somente o povo nas ruas é que fez o movimento das diretas. Mas, por outro lado, sabemos como é difícil hoje mobilizar pessoas por qualquer causa.

Defender o meio ambiente significa defender o nosso futuro, o futuro dos jovens.
Todos devem lembrar da participação de Sevem Suzuki e das crianças canadenses na ECO/92.

Elas vieram fazer um apelo aos adultos. Entre outras coisas importantes, diziam elas no seu texto:

 

“Vocês não sabem como reparar os buracos na camada de ozônio.Vocês não sabem como salvar os peixes das águas poluídas.Vocês não podem ressuscitar os animais extintos e vocês não podem recuperar as florestas que um dia existiram onde hoje é deserto. Se Vocês não podem recuperar nada disso, então, por favor, parem de destruir.”

 

Na ECO/92 foram aprovados acordos significativos, como o fortalecimento do papel das Organizações Não Governamentais e a realização de parcerias para o desenvolvimento sustentável.

Mas tudo demora muito quando esperamos que só o governo resolva. A lei dispõe sobre o serviço voluntário saiu em fevereiro de 1998. A nova lei das ONGs saiu em março de 1999.
E a sua regulamentação é de junho de 1999. A lei que instituiu a Política Nacional de Educação Ambiental também é de abril de 1999.

E quantos conhecem a Lei? E quantos cumprem a Lei?

Precisamos estar vigilantes. O momento exige participação da sociedade em todas as esferas. O momento exige parcerias com o poder público e com as empresas.
Como mobilizar?

Não temos receitas. Ninguém tem.

 

 

Aos políticos podemos dizer:

 

Institua o maior número possível de conselhos comunitários, de saúde, de educação, de alimentação escolar, de segurança, da criança, do jovem, da terceira idade. E ouça o povo por meio dos conselhos. Permita a participação, governe com a comunidade.

Dê treinamento aos participantes dos conselhos para o exercício da cidadania.

Promova campanhas, valorize as iniciativas da comunidade, permita que todos sejam úteis.

Institua prêmios para bons projetos.

Tenha objetivos claros que reflitam as necessidades da comunidade, use a sua força política para apoiar projetos da comunidade.

Façam leis necessárias a todos e não apenas para um restrito grupo de interesses.

Faça uma administração transparente, preste contas, mostre que está interessado no crescimento da sociedade.

Faça um plano de governo em conjunto com a sociedade.

 

 

Para a comunidade podemos dizer:

 

Participe de tudo: do conselho de escola, da associação de pais e mestres, dos conselhos comunitários, do seu sindicato das associações beneficentes, da sua igreja, participe até do seu condomínio.

Organize festas, comemore todos os fatos, invente uma coisa para todos participarem, use a criatividade.

Seja voluntário numa associação. Isso pode representar um futuro emprego ou, no mínimo, experiência profissional tão exigida no mundo do trabalho. Isso pode significar que você vai poder mostrar o que sabe fazer. Pode ser que alguém o descubra.

 

 

Para as ONGs podemos dizer:

 

Reuna a sua equipe, o seu time, faça o seu projeto.

Valorize uma equipe multidisciplinar, encontre pessoas com habilidade para mobilização.

Monte um setor de voluntários e ajude a profissionalizar os nossos jovens.

Profissionalize a sua Instituição, tenha bons gerentes de projetos, faça captação de recursos, remunere os participantes.

Busque parcerias. Um bom projeto é aquele que envolve o poder público, a iniciativa privada e a sociedade.

Faça projetos de sucesso, que tenham público e lembre-se que o se primeiro parceiro é o público do seu projeto.

 

 

A todos podemos dizer:

 

Tenham projetos, façam projetos, divulguem seus projetos, vendam seus projetos, participe com o que você sabe fazer. Isso pode significar lucro, emprego e bons parceiros na construção da sociedade.

Esperamos ter criado em todos a esperança de que é possível mobilizar a comunidade para projetos que elas escolham e dos quais ela participa.

Cuidem da educação das nossas escolas. Fiscalizem a aplicação dos recursos da educação, façam uma escola de qualidade, valorizem os professores. Na educação estão todas as nossas esperanças de formar um cidadão e a sociedade que merecemos.
Encontremos juntos alternativas para os nossos jovens, para a eliminação da violência, para o desemprego, para o meio ambiente, enfim, para a vida numa sociedade democrática e participativa.

 

 

Água – nós precisamos dela

 

A água potável é necessária à vida, à saúde e à sobrevivência.

A água nutre as plantas, serve de habitat aos peixes e aos organismos aquáticos e torna possível a agricultura.

É indispensável para certas indústrias. Os rios e lagos permitem o transporte e as atividades de lazer.

O homem pode passar até 28 dias sem comer, mas apenas 3 dias sem água.

A humanidade tem se iludido, pensando que a escassez de água é resultado de problemas temporários de distribuição.

A ilusão da abundância tem mascarado a realidade de que a água de boa qualidade está cada dia mais escassa.

Anúncios

Read Full Post »